Imprimir este capítuloImprimir este capítulo

Teses e dissertações - produções Texto Livre

Aluno
Orientador
Ana Cristina Fricke Matte
Título da tese
Aprendizagem situada e letramentos digitais no estágio supervisionado de espanhol
Área de concentração
(3) Linguística Aplicada
Linha de Pesquisa
(3C) Linguagem e Tecnologia
Temática
---
Número de páginas
137
Data da defesa
12/08/2013
Banca Examinadora
(titulares)
Profa. Dra. Ana Cristina Fricke Matte (UFMG)
Profa. Dra. Maria Lúcia Castanheira (Co-orientadora) (UFMG)
Prof. Dr. Marcelo El Khouri Buzato (UNICAMP)
Prof. Dr. Júlio César Rosa de Araújo (UFC )
Profa. Dra. Junia de Carvalho Fidelis Braga (UFMG)
Profa. Dra. Maria Manuela Soares David (UFMG)
Resumo
Este estudo teve como objetivo investigar, sob a perspectiva da teoria da aprendizagem situada, as formas de participação em eventos de letramentos digitais desenvolvidas por alunas em um contexto de formação inicial de professores de Espanhol. Além disso, buscamos por meio deste recurso analítico, compreender os processos de aprendizagem instaurados neste contexto e identificar as características das comunidades locais de prática de alunas e professoras de Língua Espanhola em ambientes de aprendizagem presencial e on-line. Para a realização de nossa pesquisa, privilegiamos o estudo de caso, com observação participante, a partir de uma perspectiva etnográfica. As participantes deste estudo foram quatro alunas da Graduação em Letras Espanhol, duas professoras de Espanhol do Ensino Médio e a professora orientadora do Estágio e pesquisadora desta tese. Os dados foram gerados na forma de notas de campo, diários reflexivos e em ambientes digitais, como no documento colaborativo do Google Docs, registros nos portfólios e fóruns da plataforma de aprendizagem TelEduc, logs de chats em congressos on-line, entrevistas coletadas em chats, questionários respondidos via e-mail durante as disciplinas de Estágio Supervisionado de Espanhol I e II, no segundo semestre de 2010 e primeiro de 2011, respectivamente. Selecionamos três casos expressivos para análise: o Projeto Colaborativo, os Congressos on-line e a Oficina da quarta capa. Em tais eventos de letramento digital, identificamos traços das comunidades locais de prática nas quais as participantes se engajavam e constituíam uma comunidade com linguagem, valores e comportamentos compartilhados, em ações colaborativas que nos chamaram a atenção pelo alto grau de participação. A análise dos três casos expressivos como experiências situadas em múltiplos contextos possibilitou-nos compreender como as formas de participação das alunas no Estágio Supervisionado de Espanhol, em que a tecnologia foi modelada em contextos presencial e on-line, gerou oportunidades de colaboração entre alunas e professoras, oportunidades de feedback e reflexão. Os resultados deste estudo evidenciam que os letramentos digitais estão articulados a práticas de leitura e escrita que as participantes têm em outros espaços sociais, não sendo, portanto, um processo autônomo. Esta pesquisa também revelou que o uso de ferramentas digitais de maneira integrada contextualizada à formação docente potencializou aprendizagens do uso do Espanhol que foram evidenciadas pelas sintonizações para propiciamentos e restrições nas interações durante as atividades. PALAVRAS-CHAVE: aprendizagem situada; letramentos digitais; Estágio Supervisionado de Espanhol; formação inicial de professores de Espanhol.
Palavras-chave
 
Tese no formato PDF
Clique para abrir a defesa