STIS 2015

7. Setembro: Ensino e formação de professor em língua estrangeira

7.1. registro setembro

Registro da Conferência em chat escrito, de 19 de setembro de 2015:

 

 Contextualizando a educação continuada de professores de línguas estrangeiras no Brasil
conferencista: Vanderlice dos Santos Andrade Sól

 

 Experiências para apropriar-se da tecnologia para o ensino de língua estrangeira
conferencista: Hilda Simone H. Coelho

 

moderador: Equipe STIS

 

 

[14:14] <thalita> Bom tarde a todos! É com imensa alegria que venho, em nome do Grupo STIS - SEMINÁRIOS TEÓRICOS INTERDISCIPLINARES DO SEMIOTEC dar as boas-vindas a todos vocês que nos honram com sua presença: conferencistas e participantes!
[14:14] <Silvio_> Boa tarde!
[14:14] <thalita> O STIS é um programa de conferência realizado na penúltima semana de cada mês de março a dezembro, congregando pesquisadores do Brasil e do exterior em torno do tema educação livre e democrática.
[14:15] <thalita> Para que este trabalho se concretize contamos com uma equipe fantástica de voluntários. Seres humanas altruístas que compartilham das mesmas concepções de que as mudanças em nossa sociedade só virão através do acesso à educação para todos.
[14:15] <thalita> Antes de apresentar nossas conferencistas gostaria de aproveitar para agradecer às professoras doutoras Vanderlice dos Santos Andrade Sól e Hilda Simone H. Coelho pela extraordinária presteza em participar de nosso evento. Somos gratos e sentimo-nos honrados com a presença de cada uma.
[14:16] <thalita> A professora Vanderlice dos Santos Andrade será a primeira a apresentar hoje. Em seguida, será dada voz a Hilda Simone H. Coelho, e no final abriremos a sala para o debate.
[14:16] <thalita> professoras, pode ser essa a ordem?
[14:16] <Hilda> sim, Thalita
[14:16] <Hilda> por mim, pode ser
[14:16] <thalita> ok
[14:16] <thalita> Faremos agora uma breve apresentação de nossas conferencistas convidadas, que poderão acrescentar ou corrigir alguma informação em suas apresentações.
[14:17] <vanderlice> Tô num mac book e não achei a barra. Posso ficar c meu nome Guest:
[14:17] <thalita> Vanderlice dos Santos Andrade Sól  possui graduação em Letras pela Universidade Federal de Ouro Preto (2001), mestrado em Linguística Aplicada pela Universidade Federal de Minas Gerais (2004) e é doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Federal de Minas Gerais.
[14:17] <vanderlice> Posso começar, sim
[14:17] <thalita> Atualmente é professora do ensino básico técnico e tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Minas Gerais - Campus Ouro Preto
[14:17] <thalita> Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Estrangeira - Inglês, atuando principalmente nos seguintes eixos temáticos: formação de professores, educação continuada, avaliação e análise de discurso.
[14:18] <thalita> Hilda Simone H. Coelho possui graduação em Letras Português Inglês pela Universidade Federal de Viçosa (1989), mestrado e doutorado em Linguística Aplicada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
[14:18] <thalita> Atualmente é professora do curso de Letras da Universidade Federal de Viçosa.
[14:18] <thalita> Tem como áreas de interesse e pesquisa: crenças sobre aprendizagem de línguas, emoções e experiências de estudantes e professores, formação inicial e continuada de professores e ensino de língua inglesa para escolas públicas.
[14:19] <thalita> sejam bem-vindas, professoras!
[14:19] <Hilda> Obrigada! Boa tarde, pessoal!
[14:19] <thalita> agora darei algumas informações sobre a dinâmica do STIS
[14:19] <vanderlice> Obrigada! Boa tarde!
[14:20] <thalita> Para quem participa pela primeira vez, teremos 30 minutos de apresentação dos conferencistas (só por escrito, aqui no chat)
[14:20] <thalita> não temos vídeo nem áudio
[14:21] <thalita> durante esse tempo, a sala estará moderada. apenas as conferencistas terão voz.
[14:21] <thalita> após as duas apresentações, abriremos a sala para perguntas, sugestões e discussão geral das ideias expostas
[14:21] <Silvio_> ok
[14:21] <thalita> o código para os slides será indicado no início de cada apresentação
[14:22] <thalita> basta inserir o código à direita, depois de escolher o tipo de atendimento: “apresentação de slides”
[14:22] <thalita> vocês podem regular o tamanho do chat e slides ajustando a coluna vertical entre as partes
[14:23] <thalita> código para os slides da professora Vanderlice: sol
[14:23] <thalita> desejamos um ótimo seminário a todos!
[14:24] <vanderlice> já inseri. Os slides aparecem p vcs
[14:24] <Hilda> ok
[14:24] <thalita> Professora Vanderlice, pode começar quando quiser. Cole, por favor, frases pequenas, de até 3 linhas, durante sua apresentação, ok?
[14:24] <Hilda> que beleza!
[14:24] <Silvio_> Sim, está aparecendo
[14:24] <vanderlice> Thalita, há um problema c meu teclado de mac aqui no chat. A pontuação enlouqueceu
[14:25] <vanderlice> acho q vou trocar de computador
[14:25] <daniervelin> vanderlice, se quiser, pode começar e tentar
[14:25] <vanderlice> Obrigada à Prof. Adelma pelo convite! É uma honra estar aqui!
[14:25] <vanderlice> Obrigada à todos os presentes! Vamos começar então.
[14:26] <vanderlice> Vamos contextualizar e problematizar um pouco a Educação Continuada (EC) brasileira
[14:27] <vanderlice> No slide 2 Utilizo essa imagem e citação para lembrar que nenhum discurso é neutro e em se tratando dos documentos oficiais, PCNs,
[14:27] <vanderlice> Orientações Curriculares e etc, é preciso analisar com cuidado os não – ditos que subjazem à esses discursos.
[14:30] <vanderlice>  Complementando o Slide 4 - Tais projetos são oferecidos na modalidade a distância, a partir da parceria entre a Rede Nacional de Formação Continuada (SEB/MEC) com universidades.
[14:31] <vanderlice> Gente se estiver corrido, é só falar
[14:32] <vanderlice> Slide 5 - A LDBEN impulsionou a criação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF), e esse amparo financeiro alavancou a criação de muitos programas de EC.
[14:32] <vanderlice> Nessa direção, vale ressaltar que a lei que instituiu o FUNDEF deu, pela primeira vez na história educacional do país, “respaldo legal para o financiamento sistemático de cursos de formação de professores em serviço
[14:33] <vanderlice> prevendo recursos financeiros para a habilitação de professores não titulados que exerçam funções nas redes públicas” (GATTI, 2008, p. 64)
[14:33] <vanderlice> Outro desdobramento da LDBEN foi a criação da portaria ministerial n. 1.403, que instituiu o Sistema Nacional de Certificação e Formação Continuada de Professores da Educação Básica
[14:34] <vanderlice> No Artigo 1º está previsto, em seu Inciso II, “programas de incentivo e apoio à formação continuada de professores, implementados em regime de colaboração com os entes federados”
[14:35] <vanderlice> Slide 7 - Nessa perspectiva, percebe-se que vários investimentos são feitos no sentido de contribuir com o desenvolvimento profissional do professor e a melhoria na qualidade do ensino
[14:36] <vanderlice> O Catálogo 2006 da Rede Nacional de Formação de Professores de Educação Básica, por exemplo, afirma que “é preciso pensar a formação docente (inicial e continuada) como momentos de um processo contínuo
[14:39] <vanderlice> Slide 8 - Mediante o panorama ora apresentado, pode-se dizer que diversos órgãos do poder público brasileiro chancelam a EC em âmbito geral, mas os incentivos parecem não alcançar todas as áreas do conhecimento
[14:40] <vanderlice> A área de LE, por exemplo, não está sendo muito contemplada, apesar das lesgislações
[14:40] <vanderlice> Slide 9 - Nessa perspectiva, vale indagar como se vêm realizando propostas de EC em LE no Brasil e quais incentivos existem de fato.
[14:42] <vanderlice> Slide 10 - O título correto é “A EC NOS DOCUMENTOS NACIONAIS” e não “internacionais”
[14:42] <vanderlice> Voltamos para o contexto nacional
[14:43] <vanderlice> Então, as legislações foram feitas a partir das representações ou crenças sobre o que seria ensinar e aprender uma LE.
[14:44] <vanderlice> Slide 10 - Gentili (1999) afirma que o neoliberalismo, constituído como uma estratégia de poder, é formado por discursos carregados por estratégias políticas, econômicas e jurídicas que norteiam a sociedade e definem as políticas educacionais
[14:44] <vanderlice> Tais políticas se baseiam no discurso da eficiência e eficácia, do mérito e esforço individual, por parte dos envolvidos na atividade educacional, visando sempre à lógica do mercado.
[14:45] <vanderlice> Segundo os PCNEM, cabe ao professor administrar a própria formação contínua, buscando as instituições públicas ou privadas.
[14:45] <vanderlice> No caso do prof de inglês, caso não seja fluente na língua, deverá arcar com a própria formação
[14:46] <vanderlice> Segundo Gatti (2008), prevalece o discurso cognitivista, onde estão presentes os ingredientes rotulados, empacotadas e colocadas em uma prateleira para pronto uso, como uma equação “competência XY induzida = sucesso profissional”.
[14:47] <vanderlice> Slide 11- PDPI é Programa de Desenvolvimento Profissional para Professores de Língua Inglesa nos Estados Unidos
[14:48] <vanderlice> Slide 11 - Na discussão poderemos detalhar os projetos mencionados
[14:49] <vanderlice> Ainda no Slide 11 - No entanto, ao priorizar a lógica neoliberal da eficiência e eficácia dos professores na seleção, comprovando a proficiência na LI, acaba por excluí-los.
[14:49] <vanderlice> O PDPI seleciona a partir da competência avançada na língua, o que exclui muitos professores que precisam aprimorar
[14:50] <vanderlice> Slide 13 - Conforme enfatizam Barcelos e Coelho (2006, 2010), os cursos de EC são palcos nos quais residem circunstâncias de conflitos, sob o enfoque de emoções e reações de naturezas diversas por parte dos envolvidos
[14:50] <vanderlice> Tais aspectos podem estar relacionados ao desejo de completude (dos professores e formadores) e a “percepção, ainda que não totalmente consciente, da falta; daí a angústia, a busca incansável de soluções, momentaneamente apaziguadora, para os problemas do dia-a-dia” (CORACINI, 2003e, p. 207)
[14:51] <vanderlice> Conforme Charlot, 2007, o problema da educação não é a globalização em, mas sim o neoliberalismo, pois esse tende a ver a educação como mercadoria, sujeita à lei da oferta, de demanda e da concorrência.
[14:51] <vanderlice> a demanda ideológica que há no processo de EC, no qual, muitas vezes, são atendidas as demandas de “receitas prontas”, nas quais se privilegiam as habilidades técnicas.
[14:52] <vanderlice> Finalizando, é preciso (des)construir as representações que se tem de EC para pensar sob vários pontos de vista, incluindo a sala de aula e o professor.
[14:52] <vanderlice> Para que este tenha voz e vez nas políticas de EC.
[14:54] <vanderlice>  Vou parando por aqui... Deixando algumas chegadas e partidas para discussões posteriores.Obrigada pela atenção!
[14:54] <thalita> muito obrigada, professora Vanderlice
[14:54] <vanderlice> De nada!
[14:54] <thalita> convidamos agora a professora Hilda para apresentar.
[14:55] <thalita> o código para a apresentação de slides é: coelho
[14:55] <thalita> professora Hilda, pode começar quando quiser.
[14:55] <Hilda> Boa tarde novamente
[14:56] <Hilda> obrigada a prof Adelma e aMadu por essa oportunidade de estar com vocês
[14:56] <Hilda> obrigada Vanderlice por sua apresentaço...com certeza vai ajudar a aminha
[14:56] <Hilda> Vocês irão me acompanhar bem pelos slides
[14:57] <Hilda> escolhi fazer esta apresentaçaõ a partir das reflexões de textos sobre a formaçao de professores
[14:57] <Hilda> formaçao inicial e continuada
[14:57] <Hilda> e por causa de minha inserção nas escolas públicas
[14:57] <Hilda> acredito que para adquirimos competecnias é preciso experiencias novas
[14:58] <Hilda> as várias leituras sobre o uso de tecnologias não trazem a competencia de adquiri-las e utiliza-las para o ensino
[14:59] <Hilda> por isso o título deste trabalho que compartilho com vcs
[14:59] <Hilda> vamos ao slide 2
[14:59] <Hilda> breve roteiro para nos prepararmos para a conversa
[14:59] <Hilda> slide 3
[15:00] <Hilda> movida pelos cursos online, pela crescente demanda de inserir as novas tecnologia em sala de aula, eu comecei um projeto, vinculado a  coordenadoria de ensino a distância CEAD, com estudantes da prática de ensino
[15:00] <Hilda> iniciamos na turma de prática com a discussão de textos sobre o uso do computador para ensino de LE
[15:01] <Hilda> os alunos faziam resenha e discussões sobre os textos lidos
[15:01] <Hilda> slide 4
[15:02] <Hilda> tbm, a titulo de utilizar as tecnologias disponíveis, fiz uso dos slides maravihosos disponiveis em varios sites
[15:02] <Hilda> como o slideshare por exemplo
[15:02] <Hilda> ia tentando costurar o conetúdo teórico com a praica emostrando aso estudantes o valor desses recursos em nossas aulas
[15:02] <Hilda> slide 5
[15:03] <Hilda> temos na UFV uma plataforma que se chama PVANet
[15:03] <Hilda> vejam aí como surgiu
[15:04] <Hilda> a minha intenção era utilizar o PVANet com os estudantes da Pratica como tutores
[15:04] <Hilda> slide 6
[15:05] <Hilda> eu queria criar uma disciplina de apoio para estudantes calouros da Letras para a disicplina Let 113
[15:05] <Hilda> facil acesso
[15:05] <Hilda> facil coordenação de trabalhos
[15:05] <Hilda> e para os alunos da pratica uma boa experiência no uso de recursos tecnologicos
[15:06] <Hilda> slide 7
[15:06] <Hilda> vejam o acesso
[15:06] <Hilda> mais tarde é interessante que visistem a página
[15:06] <Hilda> não fiz um print aqui para a presentaçaõ, mas podem ir lá e verificar
[15:07] <Hilda> slide 8
[15:07] <Hilda> primeiro passo foi colcoar todos os estudantes aptos a lidar com o PVANet
[15:07] <Hilda> uns acharam dificil e cansativo, para minha surpresa
[15:08] <Hilda> outros ficaram satisfeito e somente então puderam compreender a plataforma criada para todas as disciplinas da ufv
[15:08] <Hilda> tão subutilizada
[15:09] <Hilda> o curso é de 10 horas semanais
[15:09] <Hilda> slide 9
[15:09] <Hilda> depois de trabalharmos aprendendo sobre os recursos do PVANET, começamos a montar nossa proposta
[15:10] <Hilda> este era meu objetivo para com os estudantes da prática
[15:10] <Hilda> slide 10
[15:10] <Hilda> continuaçao dos objetivos
[15:11] <Hilda> durante esse preocesso, buscamos conhecer algumas iniciativas privadas de professores que realizavam cursos a distancia
[15:11] <Hilda> e disponibilizavam na rede
[15:11] <Hilda> mostrando que os estudantes poderiam tbm fazer isso depois de formados
[15:12] <Hilda> bom trabalho a ser desenvolvido por eles futuramente utilizando plataforma moodle ou outros meios
[15:12] <Hilda> slide 11
[15:13] <Hilda> conehcendo os estudantes da disciplina let 113, atraves da ementa e programa analitico
[15:13] <Hilda> traçamos alguns objetivos
[15:13] <Hilda> vale dizer que eu era a professora da LET 113 - fundamentos em língua inglesa
[15:13] <Hilda> slide 12
[15:14] <Hilda> seguindo a orientaçao da CEAD escrevemos o projeto do curso
[15:14] <Hilda> dividimos em 3 módulos
[15:15] <Hilda> vou compartilhar um pouco do projeto:
[15:15] <Hilda> A carga horária prevista de trabalho para o aluno da LET 113 é de duas horas semanais. Os alunos serão agrupados em seis turmas.
[15:15] <Hilda> Os tutores (estudantes da Prática) estarão disponíveis por duas horas semanais para atendimentos online via chat, estabelecendo horários previamente agendados com os alunos
[15:16] <Hilda> e quatro horas semanais para acompanhamento de todas as atividades dos alunos pelas postagens e acessos, identificando possíveis dificuldades, problemas, falta de estímulo,
[15:16] <Hilda> dificuldades de comunicação entre os colegas, entre outros, providenciando suas devidas correções.
[15:16] <Hilda> Haverá quatro encontros presenciais. O primeiro para apresentação do curso e dos tutores, com duração de 1 hora.
[15:17] <Hilda> O segundo e o terceiro para apresentação de trabalhos orais e avaliação parcial do curso.
[15:17] <Hilda> O quarto encontro será para apresentação de trabalhos orais e avaliação final do curso.
[15:17] <Hilda> na realidade, adianto que as cosas não aconteceram como esperávamos
[15:18] <Hilda> principalmente em relação a avaliação e encontros presenciais
[15:18] <Hilda> que foram reduzidos a dois apenas
[15:18] <Hilda> slide 13
[15:19] <Hilda> tbm nos surepreendeu a falta de acesso a Intenet por parte dos alunos da LET 113
[15:19] <Hilda> faltavam computadores
[15:19] <Hilda> e conexão
[15:20] <Hilda> isso não havia seido previsto
[15:20] <Hilda> slide 14
[15:20] <Hilda> conseguimos realizaçõa das tarefas de grande maioria
[15:20] <Hilda> eu divulgava a cada 15 dias o quadro de tarefas enviadas
[15:21] <Hilda> assim, os estudantes se empenhavam um pouco mais
[15:21] <Hilda> conseguimos apenas a apresentaçao de um portfolio como tarefa final
[15:21] <Hilda> e naõ ao final de cada módulo
[15:21] <Hilda> mas a apresentaçao final foi ótima
[15:22] <Hilda> slide 15
[15:22] <Hilda> dificuldades
[15:22] <Hilda> preciso dizer que todo esse trabalho foi realizado em dois semestres
[15:22] <Hilda> o primeiro para organizaçõ
[15:22] <Hilda> e o segundo para aplicaçaõ
[15:23] <Hilda> decidir o conetudo e elaborar as as tarefas nos tomou 60 horas de curso e mais um bom bocado
[15:23] <Hilda> extra calsse
[15:23] <Hilda> meus estudantes da pratica quase me mataram por aqui...rs
[15:24] <Hilda> tanto trabalho
[15:24] <Hilda> e muitas dificuldades apra afinar com os estudantes da LET 113
[15:24] <Hilda> calouros!
[15:24] <Hilda> slide 16
[15:25] <Hilda> algumas semanas de trabalho pra convencer meus alunos da pratica
[15:25] <Hilda> era uma proposta muito grande
[15:26] <Hilda> e eles eram formando...super atarefados
[15:26] <Hilda> slide 17
[15:26] <Hilda> vamos finalizar
[15:27] <Hilda> slide 18
[15:27] <Hilda> vou ficar devendo as referencias
[15:27] <Hilda> avisei a Madu que encaminho junto com o artigo para vocês assim que possivel
[15:28] <Hilda> salvando a minha face...desculpem pelos erros nos slides...tudo muito corrido apra dar conta de estar com vcs hoje
[15:28] <Hilda> muito obrigada pela atenção
[15:28] <thalita> muito obrigada, professora Hilda
[15:29] <thalita> convidamos então os participantes para discutir os temas abordados pelas conferencistas
[15:30] <thaysilva> que legal os dois temas! Obrigada coferencistas
[15:30] <GonzaloAbio> Muito obrigado professoras pelas apresentações. Gostaria de fazer um pequeno comentário para cada uma. O primeiro para a a professora Vanderlice. Entre os diversos exemplos de EC acredito que possa ser mencionado também o Mestrado Profissional em Ensino de Línguas que acontece na UNIPAMPA acho que desde 2014. Vejam: <http://cursos.unipampa.edu.br/cursos/profelinguas>. Pode ser de interesse conhecer essa experiência.
[15:31] <GonzaloAbio> Professora Hilda. Muito interessante seu relato de experiência. Sei por experiência que devido à importância de revisar os conteúdos e o processo em geral em um curso preparado por alunos é enorme o desgaste do professor formador que se preocupa para não aparecer (demasiados) erros nos materiais dos alunos-professores e tentar que tenham a melhor qualidade possível sem tirar a liberdade criativa dos autores.
[15:31] <Hilda> que legal Thays
[15:31] <GonzaloAbio> Gostaria de perguntar se com base nos resultados, darão continuidade a esse tipo de trabalho dos alunos na plataforma preparando e conduzindo um curso?  "o fato de que ser jovem e usuário assiduo das TDIC não significa que fará essa trnasposição do usso pessoal para o pedagógico"
[15:31] <rogeriaufmg> Boa tarde a todos. Gostaria de comentar uma fala da professora Vanderlice.
[15:32] <rogeriaufmg> Professora a senhora demonstrou um dado que me deixou espantada e foi de encontro a uma pesquisa que elaboro.
[15:32] <rogeriaufmg> Trata-se da questão da formação continuada
[15:33] <GonzaloAbio> por favor, ignorem o trecho da Vanial Leal que está depois da pergunta.
[15:33] <vanderlice> De encontro, Rogeria
[15:34] <vanderlice> Qual dado exatamente?
[15:34] <rogeriaufmg> A senhora mencionou que tal formação fica a cargo do professor de língua estrangeira, por exemplo.
[15:34] <vanderlice> Ah, tá
[15:34] <rogeriaufmg> Elaboro uma pesquisa sobre História da Educação
[15:35] <Silvio__> Ótimas conferências! Parabéns, Professoras!
[15:35] <vanderlice> Ainda são incipientes as iniciativas em EC, se considerarmos o tamanho do nosso país
[15:35] <vanderlice> Obrigada, Sílvio!
[15:36] <rogeriaufmg> Sim, mas o que mais me espanta a demora para resolução de algumas questões educacionais
[15:36] <vanderlice> Que interessante e necessário o seu tema, Rogeria!
[15:36] <Hilda> obrigada Silvio
[15:36] <rogeriaufmg> Obrigada professora. Analisei alguns relatórios de inspeção escolar do século XIX
[15:36] <vanderlice> Muita coisa fica só no âmbito da legislação
[15:37] <vanderlice> Gostaria de ler seu trabalho. Já está disponível?
[15:37] <rogeriaufmg> Infelizmente, sim. Uma lei de 1827 já previa que a formação do professor ficava a cargo dele mesmo.
[15:38] <Hilda> nossa!
[15:38] <Hilda> 1827!
[15:38] <rogeriaufmg> O artigo produzido ainda não foi publicado, professora. mas lhe enviar.
[15:38] <vanderlice> Então as leis posteriores só modificaram o texto!!! Que horror!
[15:39] <vanderlice> No caso de LE, é mais grave ainda!
[15:39] <rogeriaufmg> Sim, daí o meu espanto.
[15:40] <vanderlice> Se o professor não teve acesso à uma boa formação na graduação, nem em termos de metodologia e nem de aquisição da própria LE , como poderá ser contemplado em EC?
[15:40] <Hilda> a questão, professora Vanderlice e Rogeria, é fazermos essa conversa na formaçaõ inicial
[15:40] <Hilda> verdae
[15:40] <Hilda> na FC tudo é mais complexo
[15:40] <rogeriaufmg> Concordo, nossa formação inicial carece de revisões
[15:40] <vanderlice> Sim
[15:41] <vanderlice> Fiquei pensando durante a conferência, como eu teria me beneficiado de um projeto como o da Prof Hilda
[15:41] <rogeriaufmg> Certamente!
[15:41] <vanderlice> Não tenho esse letramento tecnológico
[15:42] <Hilda> é dificil termos esta oportunidade na formaçaõ inicial
[15:43] <vanderlice> E o pior é que os programas que existem excluem os professores pouco proficientes na língua
[15:43] <Hilda> os programas de FC?
[15:43] <Hilda> sim, tem que fazer uma prova para entrar ne?
[15:43] <vanderlice> Até o momento só conheço 2 programas voltados para o prof de inglês
[15:44] <Hilda> em nosso programa não precisa...rs... PECPLI-UFV
[15:45] <Dini> Professora, quais seriam os dois programas voltados para o prof. de inglês?
[15:45] <vanderlice> Desculpe, estou falando de capacitação chancelada como política pública nacional
[15:45] <Dini> ok
[15:46] <vanderlice> o PDPI, que mencionei na apresentação
[15:46] <vanderlice> e a Capacitação dos Institutos Federais (o Edital nacional sai este ano). São capacitações internacionais com bolsa da Capes
[15:46] <Dini> Sim, obrigada.
[15:47] <GonzaloAbio> Talvez o Parfor para professores de inglês também poderia ser considerado como FC?
[15:47] <vanderlice> As demais são super válidas, mas ainda são iniciativas das universidades e mais uma vez, dos próprios professores, "que devem se responsabilizar pela formação contínua"
[15:48] <GonzaloAbio> pela UAB.
[15:48] <Hilda> ah...achei que você estivesse falando de FC. Mas bom vc trazer essa informação, Vanderlice
[15:49] <MARCOS_> na UEMG isso acontece. os professores é lançam projetos de extensão, cursinho de férias.. etc
[15:50] <vanderlice> é considerada FC, mas como política pública c fomento
[15:50] <GonzaloAbio> obrigado
[15:51] <vanderlice> Gonzalo, creio que o Parfor possa ser considerado, sim. Mas na prática, o que os professores de inglês relatam é que as escolas não disponibilizam todos os professores
[15:51] <vanderlice> para essa formação. Ou muitas vezes, envia um representante
[15:53] <vanderlice> Outra questão séria, é a seguinte: será que basta enviar professores de inglês ao EUA que eles se tornaram bons professores?
[15:54] <vanderlice> Pergunta retórica, gente
[15:55] <vanderlice> Sou colaboradora em um projeto de EC na UFMG, o EDUCONLE.
[15:55] <vanderlice> A maior dificuldade dos professores é conseguir liberação em uma sexta feira à tarde para participar do Projeto.
[15:55] <Hilda> verdade, Vanda
[15:56] <Hilda> e a gente faz os encontros do PECPLI aos sabados por causa disso
[15:56] <vanderlice> Melhor mesmo!
[15:57] <Chris____> A liberação sempre é difícil
[15:57] <vanderlice> De todo modo, após todos esses anos na EC, vejo que não basta legislar, tem que criar mecanismos de fomento e
[15:57] <Hilda> mas é dificil do mesmo jeito
[15:57] <thalita> uma pergunta, professora Hilda:  o curso dado utilizando a plataforma acontecerá novamente?
[15:57] <Hilda> precisamos aprimorar o curso
[15:58] <Hilda> a turma atual est[a desenvolvendo um outro trabalho
[15:58] <Hilda> mas é propsota da CEAD de continuarmos com outros tutores
[15:59] <vanderlice> Achei sensacional esse projeto/disciplina (achei a barra)! Rs
[15:59] <vanderlice> Deveria compor o quadro de disciplinas da formação dos professores
[15:59] <Hilda> rs...achou a barra! que bom....rs...o projeto foi bacana mesmo
[15:59] <thalita> também achei
[15:59] <Hilda> pois é...um trabalhão!
[15:59] <Hilda> quase morri! rs...
[16:00] <thalita> o que mais me intriga é ver estudantes que usam as tecnologias sendo resistentes a elas em sala de aula
[16:00] <vanderlice> Tecnologias a gente mais lê sobre e houve falar nos congressos o quanto é importante, mas na prática da sala de aula a gente sabe/faz pouco
[16:00] <Hilda> verdade
[16:00] <Hilda> tem que experiemntar para apropriar!
[16:01] <Hilda> pequenos projetos pra começar, é meu conselho
[16:01] <Hilda> rs
[16:01] <Hilda> talvez trazendo para os alunos o conhecimento do moodle
[16:01] <vanderlice> Acho que nós professores precisamos dessa apropriação
[16:01] <Hilda> com certeza!
[16:01] <vanderlice> Ótimo conselho, Simone!
[16:02] <thalita> sim
[16:02] <vanderlice> E os alunos ficam mais próximos da gente e mais interessados na aula. Falo da minha realidade com adolescentes.
[16:02] <thalita> dá pra fazer muita coisa bacana
[16:02] <thalita> como o STIS rsrs
[16:02] <Hilda> adorei conhecer o STIS
[16:02] <Hilda> vou ficar freguesa
[16:02] <vanderlice> Aprendi muito hoje!
[16:03] <thalita> nós também! Todo STIS é um aprendizado.
[16:03] <Hilda> aprendi e comecei a apropriar da ferramenta...que legal!
[16:03] <vanderlice> Também gostei muito. Primeira vez, mas adorei!
[16:03] <Hilda> obrigada Thalita
[16:04] <thalita> voltem sempre!
[16:04] <vanderlice> Deixo aqui um agradecimento especial à Prof. Madu, que gentil e pacientemente me orientou e incentivou para essa conversa aqui hoje!
[16:05] <Hilda> isso mesmo
[16:05] <Hilda> também agradeço a Madu e Adelma
[16:05] <vanderlice> Muito obrigada Thalita pela paciência comigo!
[16:05] <thalita> Elas com certeza lerão o registro da conferência de hoje
[16:05] <thalita> por nada. Contem comigo.
[16:06] <vanderlice> E um super obrigada à Adelma, que desde sempre incentivou as iniciativas de formação de professores!
[16:07] <vanderlice> E agradeço à colega e amiga Hilda Simone pelo aprendizado e interlocução de hoje!
[16:07] <daniervelin> obrigada, Vanderlice e Hilda!
[16:07] <Tati> Olá
[16:07] <vanderlice> E obrigada à todos os participantes pelo interesse e participação valiosos para esse acontecimento! Parabéns à todos!
[16:08] <Hilda> Obrigada, Vanderlice! Sempre bom estar em conversas com você!
[16:08] <Chris____> Obrigada por compartilhar tanto conhecimento e pela experiência
[16:08] <Hilda> obrigada, participantes
[16:08] <thalita> Gostaríamos de agradecer as nossas conferencistas convidadas profª Drª Vanderlice Sól  e a Profª Drª Hilda Coelho pelas brilhantes participações.
[16:09] <Chris____> Desculpa, poderia repetir o código dos slides, por favor
[16:09] <thalita> Professoras, os certificados de conferencistas serão encaminhados via e-mail.
[16:09] <Dini> Eu sou grata não somente pelas apresentações de hoje, mas por todo o conhecimento compartilhado ao longo do ano na STIS
[16:10] <thalita> Agradecemos a todos os participantes pela honrosa presença!
[16:10] <Hilda> OK, Thalita
[16:10] <thalita> Para receber o certificado deste evento basta encaminhar uma mensagem para o STIS neste endereço:   stis@textolivre.org com os seguintes dados: nome completo e apelido usado durante o evento.
[16:10] <thalita> os códigos dos slides utilizados hoje são: sol e coelho
[16:11] <thalita> o conteúdo da conferência de hoje será disponibilizado no site do STIS.
[16:11] <BrunoForgiarini_> Obrigado Thalita! Manda um abraço p Acris
[16:11] <thalita> eu que agradeço, Bruno! Mando sim!
[16:11] <BrunoForgiarini_> Valeu;-)
[16:11] <vanderlice> Thalita, por favor, uma última coisa
[16:11] <vanderlice> me ajude a mudar meu nick
[16:12] <Tati> Que pena que não pude assistir. Se possível, gostaria dos slides.
[16:12] <vanderlice> Guest tá estranho. Rs
[16:12] <daniervelin> vanderlice, vc não consegue mudar para sol, porque deve ter já alguem em outro canal da rede com esse mesmo nome
[16:12] <Tati> Daniervely, haverá outras palestras hj?
[16:12] <daniervelin> daí o sistema não aceita e troca por um código
[16:12] <Hilda> um abraço a todos
[16:12] <daniervelin> acho q teria que ser vanderlice, q é mais incomum rs
[16:13] <vanderlice> blz
[16:13] <Hilda> podemos ir, Thalita?
[16:13] <daniervelin> poderia trocar pelo comando /nick vanderlice
[16:13] <vanderlice> Valeu, Dani!!!!
[16:14] <daniervelin> :)
[16:14] <vanderlice> Ficou melhor assim!  Abraços!
[16:14] <rogeriaufmg> obrigada, pessoal. Sempre aprendo muito por aqui.
[16:14] <daniervelin> mas nao se preocupe que no registro a ser publicado no site nós modificaremos seu nome
[16:15] <vanderlice> Pode deixar meu nome
[16:15] <Hilda> e podiam fazer as correções nos slides...rs... abraços a todos
[16:15] <Hilda> parabéns pelo trabalho!
[16:16] <daniervelin> vamos trocar Guest por Vanderlice
[16:17] <vanderlice> A minha correção é só a do slide 10. Tira "internacionais" e colocar "nacionais".
[16:20] <Hilda> pessoal! Bom final de tarde a todos!
[16:20] <Hilda> um prazer estar com vcs
[16:21] <vanderlice> Obrigada, Simone! Pra vc também!
[16:21] <vanderlice> Ótimo fds, pessoal e ótimas discussões futuras!

 

Todos os trabalhos aqui publicados estão licenciados segundo a Creative Commons

Creative Commons TL Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Based on a work at Texto Livre.