Submissão de Trabalhos

1. Para submeter seu trabalho, é necessário estar cadastrado na plataforma (clique em Acessar, no canto superior direito desta tela ou qualquer outra deste evento) e inscrever-se na edição atual do evento (pelo link de auto inscrição que aparece na categoria EVIDOSOL ou na rodinha no canto superior à direita). Preencha os campos em branco e clique no botão para confirmar seu pedido e pronto. 

2. Para submeter seu artigo, uma vez que sua inscrição já esteja pronta, clique em Acrescentar Item logo abaixo e preencha os campos solicitados.

3. Para verificar o parecer do seu artigo e sua nota, veja os comentários deixados no rodapé do artigo. Para apresentação, o mínimo necessário é de 70 pontos.

  Título:

O PAPEL DAS REDES SOCIAIS NO COMBATE AO FEMINICÍDIO

Autores:  Lorena Curty, Mirella Crespo, Iure Simiquel Brito, Raquel Veggi Moreira, Hildeliza Lacerda Tinoco Boechat Cabral
Resumo:  

A violência contra as mulheres não é recente na história da humanidade, pois decorre de uma construção histórica que condicionou as mulheres a uma posição, hierarquicamente e socialmente, inferior a do homem. O objetivo deste artigo é analisar o desestímulo à violência contra a mulher motivada pelo gênero mediada pelas redes sociais digitais, bem como a exposição de alguns aspectos da lei 13.104/15, que criou o delito “feminicídio”, inserindo-o no rol dos crimes hediondos. Emprega-se metodologia qualitativa, por meio de revisão bibliográfica, em estudiosos do tema como Luis Felipe Miguel (2011), Flávia Biroli (2011), Sérgio Gomes Silva (2010), Raquel Recuero (2006), Carlos Henrique Medeiros de Souza (2018), dentre outros, trazendo-se uma abordagem por meio da qual se evidencia a relevância do tema na sociedade contemporânea, em que as redes sociais digitais exercem poderosa influência sobre os usuários, podendo ser usadas como instrumento de formação de opinião favorável a coibir a prática delituosa em relação à violência contra a mulher.


LEIA Artigo Completo em PDF:  Documento PDF O PAPEL DAS REDES SOCIAIS NO COMBATE AO FEMINICÍDIO (1).pdf
Trilha Principal:  Blogs, Wikis e Redes Sociais
Trilha Opcional:  Cultura Livre
Área do conhecimento (CNPq):
Instituição:  Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro - UENF
Palavras-Chave:   feminicídio; violência; gênero; redes sociais digitais.
Mesa (1): Marilane de Abreu Lima Miranda
Mesa (2): Ludmila Ferrarezi
Código:

  

Aprovado segunda, 15 out 2018, 21:54

Código: